R$ 20 MI PARA EFMM

A verba de R$ 20 milhões, das compensações ambientais da Usina de Santo Antônio, será investida na revitalização do patrimônio da estrada de ferro. Além disso, um estudo será feito para usar o recurso na restauração dos trilhos e funcionamento do trem até a cachoeira de Santo Antônio.

“Eu espero que no próximo ano estejamos numa praça não apenas limpa como fizemos na última semana. Eu entendo que foi feito pouco, o mínimo necessário até agora, precisamos efetivamente transformar este espaço e neste trabalho espero contar com a Associação dos Amigos da Estrada de Ferro Madeira Mamoré, assumi o compromisso com eles de acompanhar pessoalmente este trabalho de revitalização, juntamente com a manutenção permanente. Estamos a resgatar a história deste patrimônio que vem sendo negligenciado.”, disse o prefeito Dr Hildon Chaves.

Artigos Relacionados: