Categoria: Destaques

Nosso trabalho de combate aos focos do mosquito da dengue continua

 

 

O número de casos de dengue em nossa cidade aumentou se compararmos ao ano passado (2019). Por isso, temos intensificado nossos trabalhos para controlar os vetores que transmitem a dengue, malária, chikungunya, zika vírus e febre amarela.

Nossas equipes têm aplicando fumacê nos bairros com mais casos positivos e com maiores índices de infestação pelo aedes aegypti. Em razão da pandemia no coronavírus, as visitas dos agentes nas residências estão suspensas mas continuam nos estabelecimentos que estão mais suscetíveis a proliferação das larvas como lava-jatos, borracharias, ferros velhos, acumuladores e catadores.

Estamos fazendo nossa parte e precisamos que cada porto-velhense faça a sua!
 

 Como se prevenir?

 

  • Garrafas PET e de vidro: As garrafas devem ser embaladas e descartadas corretamente na lixeira, com tampa e em local coberto ou de boca para baixo.
  • Ralos: Tampe os ralos com telas ou mantenha-os vedados, principalmente os que estão fora de uso.
  • Vasos sanitários: Deixe a tampa sempre fechada ou vede com plástico.
  • Calhas: Limpe e nivele. Mantenha sempre sem folhas e materiais que possam impedir a passagem da água.
  • Baldes e vasos de plantas vazios: Guarde todos em local coberto, com a boca para baixo.
  • Plantas que acumulam água: Evite ter bromélias e outras plantas que acumulam água, ou retire semanalmente a água das folhas.
  • Suporte de garrafão de água mineral: Lave-o sempre quando fizer a troca. Mantenha vedado quando não estiver em uso.
  • Caixas de água, cisternas e poços: Mantenha-os fechados e vedados. Tampe com tela os que não têm tampa própria.
  • Vasilhas para animais: Os potes com água para animais devem ser muito bem lavados com água corrente e sabão no mínimo duas vezes por semana.
  • Pratinhos de vasos de plantas: Coloque areia até a borda.
  • Lixo, entulho e pneus velhos: Entulho e lixo devem ser descartados corretamente. Guarde os pneus em local coberto ou faça furos para não acumular água.

A Prefeitura continua trabalhando e desenvolvendo ações para ajudar a população nessa pandemia

 

 
Estamos enfrentando momentos difíceis e sabemos da importância de nosso trabalho para cada porto-velhense. Por isso, desde o início da pandemia temos desenvolvido ações de combate ao coronavírus. Essas ações são planejadas pensando tanto na prevenção e reforço da saúde da capital e distritos, quanto na saúde econômica de nossa cidade.

Para isso, contamos com uma série de profissionais envolvidos em um trabalho diário. Esses profissionais estão na linha de frente e não medem esforços para que tudo isso passe o mais breve possível.
 

Já investimos mais de R$ 11 milhões no combate ao Covid-19

As ações emergenciais realizadas pela Prefeitura de Porto Velho somam um total de R$ 11 milhões. Entre as medidas estão à contratação de mais profissionais da saúde, desinfecção dos espaços públicos, fiscalizações, compra de novos equipamentos de proteção, mais ambulâncias e leitos.

Os números dos investimentos estão disponíveis no portal da transparência e podem ser consultados por qualquer pessoa.
 

Continuamos entregando Merenda Escolar para os alunos da rede municipal

Com a suspensão das aulas, não deixamos nossos alunos da rede municipais desamparados, montamos kit com alimentos básicos e estamos trabalhando para conseguir entregar as cestas para todos os que precisam.

Cada escola se organiza para entrar em contato com responsáveis e não gerar aglomerações.
 

Na Educação, somos exemplo de Ensino à Distância

Nossos alunos da rede municipal tem acesso às aulas através do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) denominado “Porto Velho Educação Virtual”, ferramenta que já atende mais de 15 mil alunos. Essa plataforma deu tão certo que mais de 10 municípios do interior já aderiram ao programa.

Estamos criando novas estratégias e investindo na melhoria da educação em Porto Velho para que possamos continuar crescendo mesmo na pandemia.
 

Estamos desinfetando diversos locais da Capital.

Outro serviço que também não parou foi o da limpeza! Agregamos a isso a desinfecção dos locais públicos para evitar a proliferação do vírus. Nossas equipes já passaram por mercados, praças, Unidades de Saúde, feiras livres. São cinco equipes compostas por quatro pessoas que fazem o serviço de atomização, que seria a dispersão do produto “quaternário de amônia” de forma tipo nebulização, além de dois caminhões hidrojatos que atuam em ambientes maiores como pátios, praças e feiras livres.
 

Cada um precisa fazer sua parte.

Esses são apenas alguns exemplos de que nosso trabalho não parou! Pelo contrário, foi intensificado. Queremos e vamos vencer essa crise. Mas para que isso aconteça cada um precisa fazer sua parte.

A Prefeitura tem atuado também na fiscalização para garantir o distanciamento social. Por isso, para que todo esse trabalho se complete, é preciso a contribuição de cada porto-velhese. Só saia de casa se for mesmo necessário e se sair, vá de máscara, evite aglomerações e em filas obedeça à distância de pelo menos 2m.

 
Faça isso por você, por nós e por nossa amada cidade, Porto Velho.

Erros que você não deve cometer com os idosos no isolamento

 

Apesar de todos estarem vulneráveis à infecção pelo coronavírus, os idosos estão no grupo de risco e mais propensos a complicações caso sejam contaminados.

Muitas famílias ainda encontram dificuldades de manter os idosos em casa para protegê-los. A rotina de quarentena não é nada fácil, especialmente quando o idoso não concorda com o isolamento.

Por isso, o diálogo é essencial na hora de conscientizar os mais velhos. Pratique amor e seja compreensível neste momento.

Separamos algumas atitudes que devem ser evitadas durante o período de pandemia:

 

Semasf esclarece sobre Bolsa Família, BPC e Auxílio Cidadão

 

 

Gente, essa é importante! Não haverá bloqueio ou cancelamentos do Bolsa Família pelo prazo de 120 dias.

Também está adiada a inscrição dos beneficiários do BPC (Benefício de Prestação Continuada) no Cadastro Único. Se você ainda não fez essa inscrição no Cadastro Único, não é necessário fazê-la pelos próximos 120 dias, sem preocupação de bloqueio ou suspensão.

Sobre o Auxílio Cidadão, a Semasf informa que é falsa a informação que circula em alguns grupos de WhatsApp e em postagens de redes sociais nos últimos dias, sobre um suposto cadastramento do Governo Federal para que as pessoas recebam o “Auxílio Cidadão”.

Fique atento!

Na dúvida a população deve ligar nos seguintes canais de atendimentos de segunda a sexta-feira:

  • Cras Betinho: 98473-6269
  • Cras Paulo Freire: 98473- 6076
  • Cras Irmã Dorothy: 98473-4364
  • Cras Cras Dona Cotinha: 98473- 6030
  • Cras Elizabeth Paranhos: 98473-6030
  • Centras do Cadastro Único: 98473-3814

O que você precisa saber sobre o coronavírus (COVID-19)

 

A Prefeitura de Porto Velho, por meio da Vigilância Sanitária, orienta as equipes médicas nas UPAS e Unidades Básicas sobre a classificação e coleta de exames do Corona vírus disease (COVID-19).

Dadas as orientações da Organização Mundial da Saúde – OMS, não há motivo para pânico, mas faz-se necessário aumentar o nível de alerta para o risco de transmissão. Medidas do dia a dia, como lavar as mãos e evitar aglomerações, reduzem o contágio da doença.

Mesmo sem nenhum caso confirmado na capital, deve-se seguir as orientações dos órgãos competentes.

 

 

Novas obras e investimentos estão chegando para a nossa cidade

 

 

Gente, trouxemos várias novidades para a cidade!

Temos os pacotes de obras e reformas das unidades de saúde, contratação de novos profissionais, transporte e o maior programa de recapeamento de Porto Velho.

Também anunciamos as ordens de serviço para a construção do novo campo de futebol Society no bairro Jardim Santana e no distrito de União Bandeirantes.

E para fechar com chave de ouro, divulgamos a programação de comemoração do fim de ano, que acontecerá nos dias 29 e 30 de novembro no Espaço Alternativo.

Semusa incentiva visita à maternidade antes do parto

Agora temos mais uma inovação para fortalecer o atendimento humanizado para as gestantes!

Além de trazer melhorias para a Maternidade Municipal Mãe Esperança, com a entrega de novos equipamentos e capacitação de servidores, o projeto Mãe Coruja incentiva os pais a fazerem uma visita e conhecer as instalações da maternidade.

A visita pode ser agendada no terceiro trimestre da gravidez (7º, 8º e 9º mês), com o objetivo de garantir o melhor cuidado com a mãe e o bebê. Os futuros papais e mamães irão participar de ações educativas, esclarecer dúvidas e receber orientações sobre os procedimentos que grávidas e acompanhantes precisam ter, conhecendo a importância do parto humanizado.

O projeto conta também com o transporte que leva a gestante da Unidade de Saúde que está sendo feito o Pré-Natal até a maternidade.

Novembro azul: abrace essa causa!

O assunto de hoje é bem importante, câncer de próstata. Estamos no novembro azul, uma campanha necessária que vem para quebrar preconceitos e mostrar que compartilhar informações é uma medida necessária.

Após os 40 anos, é importante realizar os exames de detecção precoce da doença anualmente e sempre que seu médico recomendar, pois, se descoberto no início, o câncer de próstata tem até 90% de chances de cura.

O diagnóstico só é possível por meio de dois exames: o antígeno prostático específico (PSA), que permite rastrear e definir a sequência ideal de tratamento nos pacientes com neoplasia de próstata avançada, e o exame de toque.

O exame físico (de toque) é realizado pelo médico e dura apenas 10 segundos! Ele analisa a consistência da próstata, o tamanho e se existem lesões palpáveis através do reto na glândula. Esse exame ainda gera muita polêmica e, talvez por isso, a conscientização sobre a gravidade da doença seja tão necessária.

 

Sintomas
O câncer de próstata evolui lentamente, sendo assim, os sintomas são percebidos quando a doença já está em estágio avançado. Dificuldade de urinar, jato urinário fraco e sensação de bexiga cheia mesmo após urinar são sinais e sintomas sugestivos de alterações da próstata.

 

Fatores de risco:

 

  • Idade
    Quanto mais velha é a pessoa, maior a chance de desenvolver a doença.
  • Cor da pele
    Homens negros correm mais risco e tendem a desenvolver tumores mais agressivos.
  • Histórico Familiar
    Ter um parente de primeiro grau com diagnóstico de câncer de próstata mais do que duplica o risco de um homem de desenvolver a doença.
  • Obesidade
    Excesso de gordura corporal aumenta o risco de câncer de próstata avançado.

 

Realize o exame nas Unidades Básicas de Saúde mais próxima da sua casa. Devido à campanha, várias UBS estão com ações de conscientização sobre a prevenção ao câncer.

Os homens passam pelo atendimento clínico e são encaminhados, quando necessário, para o atendimento especializado. O exame de sangue PSA, ultrassom de próstata e exame de toque retal, que identificam o câncer de próstata também são realizados na rede pública.

Você conhece o programa ID Jovem?

Com ele você só tem vantagens! Esse  documento permite benefícios de meia-entrada em teatro, eventos  culturais e muito mais.

E você ainda tem direito a viagens  interestaduais gratuitas ou com 50% de desconto. E tudo isso é possível  apresentando o aplicativo no seu celular!

Jovens entre 15 e 29 anos  terão maior acesso aos direitos garantidos pelo Estatuto da Juventude – Lei nº 12.852/2013.

Quer saber como ter acesso a esse programa? Procure a nossa Central de Assistência Social e cadastre-se

O endereço é Rua Quintino Bocaiúva, 1224, bairro Olaria.